Archive

Dengue

Surto de dengue muda a rotina dos moradores da Zona Oeste

A incidência da doença cresce a uma taxa de 13% por semana na cidade de São Paulo, e a maioria dos casos concentra-se em bairros como Jaguaré e Lapa

O repelente, o inseticida elétrico e a vela de citronela, escudos contra qualquer mosquito e pernilongo, têm se tornado nas últimas semanas itens de necessidade básica na Zona Oeste. O crescimento do número de casos de dengue na cidade, com alta concentração em bairros como Jaguaré, Lapa e Rio Pequeno, mandou muita gente para o hospital e mudou os hábitos dos moradores da região. Quem foi infectado e baixou no pronto-socorro com febre alta, dores no corpo e no fundo dos olhos teme ser picado novamente pelo Aedes aegypti. “A segunda vez é mais perigosa”, diz a estudante Eleni Isabel Rodrigues Godaroulies, de 10 anos. Moradora do Alto de Pinheiros, ela ficou afastada por dez dias da escola no início de abril por causa da doença. Agora, ajuda a mãe, Teresa Cristina Rodrigues, a eliminar os possíveis focos da praga em casa, colocando areia nos vasos de planta, por exemplo.
+ Com cuidado, é possível correr durante a gravidez
Desde o começo do ano, a capital registrou mais de 5 000 casos e quatro mortes.Segundo dados da Secretaria Municipal de Saúde divulgados na semana passada, a taxa atual de crescimento da infecção é de preocupantes 13% por semana.Se prosseguir nesse ritmo, a tendência é superar o cenário de 2010, quando a dengue contaminou quase 6 000 pessoas, recorde na história da cidade.
tabela dengue evolução do problema

Na Zona Oeste a questão ainda é mais grave. A área concentra a maioria dos registros da metrópole. A taxa média de incidência da doença na capital é de 45,3 casos a cada grupo de 100 000 habitantes. Alguns bairros da região superam em muito esse índice. No Jaguaré, onde o problema atingiu proporções alarmantes, a ocorrência é de 1 578,3 por grupo de 100 000 habitantes. Lapa e Vila Leopoldina têm taxas de 533,9 e 121,6, respectivamente. “Além de a temperatura ter sido elevada no começo deste ano, o que cria as condições ideais para a proliferação do Aedes, há favelas no limite com Osasco e Taboão da Serra com graves problemas de infraestrutura urbana, que contribuem para a proliferação do mosquito”, explica a médica Bronislawa Ciotek de Castro,do Programa de Combate à Dengue da Coordenação de Vigilância em Saúde do município (Covisa).
+ Número de crianças atendidas em consultórios de psicologia dobra
Alguns hospitais da Zona Oeste criaram áreas específicas para cuidar dos pacientes com os sintomas da doença. Até as primeiras semanas deste mês, foram atendidas 678 infectadas na unidade Morumbi do Hospital São Luiz. O Albert Einstein recebeu em sua emergência 360 casos até abril. Com a queda de temperatura verificada em maio, o número baixou. “A média diária caiu de quinze para oito”, afirma Antonio da Silva Bastos Neto, gerente do pronto-socorro do Einstein.
+ Propagandas por SMS irritam donos de celulares
O surto de dengue mudou também a rotina de professores e alunos na Zona Oeste. Com unidades no Alto da Lapa, Alto de Pinheiros e na Vila Madalena, o Colégio Oswald de Andrade intensificou os cuidados com os lugares que podem ser foco do mosquito, e o tema virou objeto de debate em sala de aula. O Colégio Madre Alix, no Jardim Paulistano, envolveu crianças a partir de 2 anos e meio em atividades de prevenção. Elas são orientadas a recolher os brinquedos, como os baldinhos de areia, que, se deixados ao ar livre, podem acumular água e se tornar criadouros. “Fazemos tudo de forma lúdica para não amedrontar a turma”,diz a coordenadora pedagógica Marta Cesaro.

Cuidados semelhantes são adotados em condomínios residenciais. O administrador Roberto Cardinalli, de 30 anos, morador das Perdizes, teve dengue há um mês. Depois disso, redobrou a vigilância em sua casa. “Mas, se no apartamento de baixo não fazem o mesmo, estamos todos em risco”, diz. Ele tem razão. De acordo com a Covisa, cerca de 90% dos trasmissores estão dentro de casa. Uma fêmea pode contaminar até 300 pessoas num raio de 500 metros. Devido a isso, a entidade reforçou as ações de bloqueio e combate nas áreas afetadas. De janeiro ao início de maio foram visitados cerca de 2,2 milhões de imóveis na capital. “Políticas públicas são inócuas se não há conscientizaçãoda população”, afirma Fredi Quijano, epidemiologista da Faculdadede Saúde Pública da USP.
* Cuidados básicos
– Preencha vasos de planta com areia
– Jogue fora tampas, latas e embalagens plásticas. As recicláveis, como garrafas PET, devem ser guardadas fora do alcance da chuva
– Guarde de boca para baixo latas, baldes, potes e outros frascos
– Mantenha fechadas as caixas-d’água com tampa sem rachaduras ou utilize tela tipo mosquiteiro
– Trate a água da piscina com cloro ou a mantenha coberta
– Pneus devem ser furados ou guardados em locais cobertos
– Brinquedos, lonas, aquários, bacias também devem ficar longe da chuva

http://vejasp.abril.com.br/materia/surto-dengue-sp/

Leia mais...

Mundo Evolve – China

No Projeto Mundo Evolve, nossos alunos têm a oportunidade de conhecer a cultura dos países de descendência das famílias que compõem a comunidade Evolve.
Durante o mês de março estão vivenciando um pouco da cultura chinesa.
Aproveitamos a comemoração do Festival das Lanternas e convidamos uma “chinesa” para compartilhar com as crianças objetos e símbolos tradicionais.
Todas as crianças, do Berçário ao G5, ao som da flauta doce, brincaram com suas próprias lanternas.

Entre em nosso canal no Youtube https://www.youtube.com/channel/UCRRER59IWRWpo6hHOR1abCQ

Leia mais...

Inglês no Colégio Evolve

É com grande prazer que anunciamos a parceria entre o Colégio Evolve e o THE KIDS CLUB a partir deste ano letivo.

O THE KIDS CLUB ( www.thekidsclub.com.br) é pioneiro no Brasil no ensino de inglês exclusivamente para crianças a partir de 02 anos! Desenvolvido na Inglaterra por pedagogos e psicólogos, o método de ensino THE KIDS CLUB estimula o aluno a gostar do idioma e a aprender cada vez mais, através de aulas dinâmicas e divertidas. Seu filho aprenderá inglês brincando, e sem perceber!

O THE KIDS CLUB está presente em todo o Brasil há 25 anos, com mais de 100 unidades, 300 escolas parceiras, e 10.000 alunos aprendendo inglês através de sua pioneira metodologia.

Além da garantia da qualidade do ensino que o THE KIDS CLUB pode oferecer, temos orgulho em certificar nossos alunos internacionalmente, através do exame PTE Young Learners, desenvolvido pela London University, a partir de 8 anos.

Leia mais...

Musicalização na Educação Infantil

Tempo de conquistas: Musicalização no Berçário e Educação Infantil do Colégio Evolve!

A partir do mês de março, toda semana, na grade curricular, aulas de Música com Profª Fabiana Teixeira de Oliveira Silva.
Durante as aulas, a professora introduzirá assuntos como: – – Alfabetização musical;
– Folclore;
– História da música e dos instrumentos;
– Cantores e compositores nacionais e internacionais;
– Execução de instrumentos com bandinha rítmica (tambores, chocalho, agogô, pandeiro, castanholas, guizos, ganzá, reco-reco, sino…) individual e em grupo;
– Construção de instrumento com sucata;
– Canto coral;
– Apresentações.

Leia mais...

Hino Nacional para Crianças

O hino nacional brasileiro é uma poesia em forma de música, retrata a nossa pátria e o nosso povo, mostrando valores da nossa cultura, história e sociedade.
Ao trabalhar com nossas crianças, no Colégio Evolve, temos por objetivo mostrar a importância e a necessidade do respeito aos símbolos de nossa pátria.
No Evolve, todas as quintas-feiras, às 9h e às 14h30, acontece a execução do hino nacional, na Videoteca, com a presença de todas as nossas crianças.

Visite nosso site www.colegioevolve.com.br

hino

Leia mais...

Temperos na Alimentação Infantil

Temperos frescos

Antes das novas plantações, nossos pequenos agricultores visitaram a horta do Colégio Evolve  com a nutricionista Emília para juntos  prepararem  o roçado. E para abrir espaço para as sementes, colheram quase todos temperos disponíveis e levaram  para a equipe da cozinha caprichar no lanche, com um delicioso Muffin de Ervas, com cebolinha, tomilho e manjericão.
O aroma tomou conta da escola!

Os temperos frescos são deliciosos aliados na cozinha, pois dão um sabor especial aos pratos, sem aumentar o sal/sódio, e sem os aditivos industrializados. Além disso, são fáceis de plantar e uma muda pode fornecer muitos dias de comida saborosa!

Confira mais sobre alimentação, vendo: http://www.colegioevolve.com.br/tapioca-na-alimentação-infantil/

horta

Leia mais...

Culinária Chinesa

Com o Projeto Mundo Evolve, nossos alunos têm a oportunidade de conhecer a cultura dos países de descendência das famílias que compõem a comunidade Evolve.No mês de março foi a vez da China e assim conheceram também um pouco da gastronomia chinesa.

SABEDORIA CHINESA À MESA
Uma das mais exóticas e difundidas no mundo, a culinária chinesa chegou para enriquecer o cardápio do Evolve.
Com muitas cores, aromas e sabores, segue a filosofia do yin e yan de que os opostos se complementam, sendo comum combinações de doce com salgado, quente e frio, picante com amargo.
Os alunos conheceram o delicioso frango xadrez e o colorido arroz chop suey e teve até quem se arriscou a comer com os palitinhos!

Leia mais...

Tapioca na Alimentação Infantil

EXPERIMENTAÇÃO DO MÊS – A BRASILEIRÍSSIMA TAPIOCA

Prato tipicamente brasileiro, da região norte e nordeste, a tapioca vem conquistando muitos adeptos. Proveniente da mandioca, é uma deliciosa substituição do pão nosso de cada dia, com um grande diferencial: não possui glúten, por isso pode ser consumida por quem é intolerante a ele. Aceita muitos recheios, mas queijo coalho e/ou coco são os mais tradicionais.

No lanche das crianças da Educação Infantil do Colégio Evolve, tem tapioca recheada com doce de banana, doce de maçã, queijo branco e peito de peru.

tapioca1

Leia mais...

Carnaval no Colégio Evolve

O Carnaval é considerado uma das festas populares mais animadas e representativas do mundo.
No Brasil comemoramos o carnaval de diversas maneiras, de acordo com os hábitos e costumes de cada região do país.
Pensando nessa grande festa popular, na diversão e na alegria que ela nos traduz, convidamos nossos alunos do Berçário e da Educação Infantil para o Carnaval do Evolve.
Tivemos o desfile do Trio Elétrico e em seguida o grande baile.
Fantasias e máscaras, confetes e serpentinas coloriram e animaram ainda mais a festa.

Leia mais...
Rua Clementine Brenne, 385 | Morumbi – São Paulo / SP – CEP:05659-000 | contato@colegioevolve.com.br
Telefones: (11) 3502-7100 – (11) 99990-5440