Os riscos de medicar as crianças sem orientação médica

Os riscos de medicar as crianças sem orientação médica

e3

Julho é mês de férias, mas também, mês de redobrar a atenção com a saúde das crianças! Com o tempo seco, a probabilidade de gripes e resfriados aumenta e, na maioria das vezes, os pais buscam a solução no lugar errado: a farmácia. O pediatra Sérgio Eiji Furuta, da Unifesp, afirma que medicar o filho em casa pode mascarar a doença ao invés de tratá-la, e alerta para os riscos da utilização de “medicamentos naturais” como mel, própolis e pastilhas. Confira a matéria completa no link abaixo. http://glo.bo/VG5HWg

Nenhum Comentário

Deixe um Comentário

Rua Clementine Brenne, 385 | Morumbi – São Paulo / SP – CEP:05659-000 | contato@colegioevolve.com.br
Telefones: (11) 3502-7100 – (11) 99990-5440